TVI de Portugal vende estúdios da Plural por 1,6 milhões de euros

Em Portugal, os estúdios da Plural Entertainment em Vialonga, “casa mãe” da ficção portuguesa em Vila Franca de Xira, produtora de ficção da independente TVI foram vendidos por 1,6 milhões de euros (6, 400 milhões de reais). Valos este que consta na conta consolidada da Media Capital, grupo este que detém as duas empresas.

 

Olívia Mira, administradora financeira do grupo Media Capital confirmou a venda, concretizada no ano passado, porém somente agora revelada: “Procedemos à venda numa altura em que o mercado imobiliário dá sinais de recuperação”, acrescentou a responsável: “decidido concentrar os meios de produção audiovisual na Quinta dos Melos, em Bucelas, Loures”, revelou ao site português Correio do Amanhã.

 

O espaço, que chegou a servir de sede à Plural ficam para a história da ficção nacional portuguesa por ter sido ali que, durante anos, a NBP (Nicolau Breyner Produções, atual Plural), produtora fundada por Nicolau Breyner e António Parente (atualmente patrão da SP Televisão, produtora de ficção da RTP e da SIC) em 1990, gravou as suas produções. Foi precisamente nesses estúdios que começou a produção portuguesa em continuidade e, por isso, são considerados a casa – mãe das novelas portuguesas.

 

Em verdade que nos últimos anos, até à sua venda definitiva, os estúdios estiveram arrendados a outras produtoras, nomeadamente à Coral Europa, que ali gravou a série ‘Água de Mar’, da RTP 1. A SP Televisão também detém um complexo de estúdios em Vialonga, na zona do Quintanilho, que chegaram a pertencer também à NBP.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this pageEmail this to someone